x
Tim - (11) 95812-3222
WhatsApp e Vivo: (11) 95025-5857
Nextel: (11) 9.4007-9752 ID:35*50*5075
Tratamento para dependência química e alcoólica voluntária e involuntária
Depoimentos
O conteúdo de class "divisor-horizontal" é inserido aqui
Estes são alguns depoimentos de pessoas que a Equipe Anjos de Uma Asa, resgatou do uso e abuso de drogas trazendo-os de volta ao convívio social com sucesso.

Patricia Kimble, mãe do paciente Stephen

I want to thank you and your staff for the very professional and amazing care you gave to Stephen. You and the staff went above and beyond and I am forever grateful. Your facility was a Godsend at a time when stephen was critical and in desperate need of the proper help.  I can't thank you enough.  Now it's up to him to do the work and come to you when he is tempted to smoke.  Forever grateful, Patricia Kimble.

Tradução: Eu quero agradecer a você e sua equipe para o atendimento muito profissional e incrível que você deu a Stephen. Você e a equipe foi acima e além e estou eternamente grato. Sua instalação foi uma dádiva de Deus num momento em que Stephen era crítico e precisa desesperadamente da ajuda adequada. Eu não posso agradecer o suficiente. Agora cabe a ele para fazer o trabalho e vir para você quando ele está tentado a fumar. Eternamente grata, Patricia Kimble.

Paciente Stephen, nascido em USA, onde sua mãe mora, internado por seis meses para a Reabilitação de Dependência de Maconha


 
Primeiramente quero agradecer a Deus pela oportunidade, por mais um folego de vida, também a minha familia que ainda acredita em mim e a vocês que estão comigo todos os dias e sabem da minha história. Obrigado por fazerem parte da minha vida hoje, tmj de verdade, gratidão irmãos, que Deus continue abençoando grandemente a vida de vcs, Anjos de Uma Asa


"C.M." 23 anos - São Paulo
Comecei a usar drogas era muito jovem, aos quinze anos de idade, e não imaginei que iria para em uma clinica, pensei que poderia parar e usar quando quisesse.
No inicio eu usava maconha, mais ou menos um ano de uso continuo, depois bebia todos os dias e só gostava de bebidas fortes, foi quando tive uma briga com meus pais que eu experimentei a cocaína e veio a minha destruição. Perdi emprego, parei os estudos, perdi todos os bens materiais que eu tinha, não me relacionava bem com mais ninguém, era só briga e discórdia.
No principio que meus familiares sugeriram a internação eu relutei, mas foi quando um amigo que usava droga comigo e estava "limpo" há uns 6 meses, me falou sobre a Equipe Anjos de uma Asa, e me explicou como funcionava. Assim decidi pedir ajuda, minha mãe entrou em contato e me levou para ficar internado.
Foi ai que percebi que havia uma saída para o meu problema e que sozinho eu realmente jamais conseguiria pois a dependência química me levou uma asa e eu precisava de outra para poder voar.
Hoje estou limpo há 2 anos e trabalho em uma clinica como monitor, graças aos Anjos de uma Asa hoje em recuperação redescobri o que é a vida!


"Patrícia" 32 anos Limeira - SP.
Tinha uma vida maravilhosa, tudo o que eu queria meus pais me davam. Tinha caro, um apartamento para morar, amigos, dinheiro... e foi assim que com todas as facilidades da vida comecei a fazer uso abusivo de drogas e álcool, experimentei primeiro a cocaína e logo em seguida veio o crack que usei por 4 anos junto as bebidas.
Ao longo do meu uso, briguei com os meus pais, sai de casa e fui morar numa favela em SP com algumas outras pessoas que se diziam minhas amigas, foi ai que o dinheiro acabou e eu precisava fazer algo para conseguir drogas e fui me prostituir, fiquei nessa vida até que meus pais me localizaram e mandaram um resgate da Anjos de uma Asa, eu resisti, mas acabei sendo internada. Hoje sou imensamente grata a Deus, a esta equipe que salvou a minha vida, e é claro à minha família que me ajudou a me libertar. Hoje levo uma vida normal, trabalho e estudo, não uso mais drogas e o principal... Sou feliz!


"R" 38 anos - RJ
Sou dependente químico desde os 12 anos quando conheci o álcool, aos 18 anos experimentei a maconha e aos 21 anos a cocaína.
Desde então minha vida não funcionava e só gerava desgraças, destruições e desentendimentos, a mim e aqueles ao meu redor que me amavam..
Foi sugerido a minha familia uma internação, mas ao meu ponto de vista não iria funcionar, na verdade era o que minha mãe desejava e não que eu precisava.
No decorrer do tempo aceitei, e quando fui internado me vi num lugar extremamente estranho com pessoas estranhas e fechado dentro de um espaço pequeno, com limites e regras, que no meu ponto de vista mais parecia um quartel. Me sentia um peixe fora d'água.
Quando conheci o programa dos 12 passos e das metas, foi quando caiu minha ficha, e fui me adaptando as regras e normas da casa, e me integrando ao grupo, fazendo verdadeiros amigos e descobrindo pessoas boas com a mesma doença que eu.
Coloquei na minha cabeça que já que do meu jeito não ti nha funcionado, teria que fazer do jeito deles.
Fui me conhecendo aos poucos, descobri que tinha muitos defeitos de caráter e aos poucos fui me tornando uma pessoa melhor. Logicamente tive algumas desavenças e sentimentos frustrantes, mas hoje sei que era para meu próprio bem.
Já estou em término de tratamento, entrando em fase de reinserção e posso dizer que funciona, e que hoje sou uma pessoa melhor e disposta a ter uma vida mais regrada, disciplinada e serena.
Só posso agradecer a Deus, meus pais e ao pessoal da Equipe Anjos de uma Asa, por terem me acolhido e me ajudado.
Sei que terei a partir de hoje, uma vida em recuperação e viverei um dia após o outro livre das drogas.


""
Eu comecei o uso de drogas com 14 anos, pelo fato de eu ser uma pessoa muito envergonhada e tímida. No início usava álcool e maconha, até que um dia eu conheci a cocaína e, durante vários anos, usei diariamente. A cocaína era minha companheira, sem ela eu nada fazia.
Até que um dia um amigo me ofereceu o crack, nunca pensei em usar essa droga, mas naquele momento eu já estava na fissura para cheirar e então não recusei o convite e fumei a droga que, mais para frente, destruiria minha vida.
Depois dessa primeira experiência com o Crack, foram meses usando sempre. Em certo momento decidi parar mas eu não consegui, era mais forte que eu. Quando a dependência química tomou conta de mim fui internada, mas sempre que saía tinha recaídas. Foram três internações até minha família ouvir falar em uma palestra sobre os Anjos de uma Asa.
Fazendo uma análise de todas as minhas internações, essa foi a que eu mais pude me conhecer. Com a ajuda de todo grupo, da equipe e das ferramentas utilizadas eu tivesse sucesso no meu tratamento.

ATENDIMENTO 24 HORAS
Tim - (11) 95812-3222
WhatsApp e Vivo: (11) 95025-5857
Nextel: (11) 9.4007-9752 ID:35*50*5075
anjosdeumaasa@gmail.com anjosdeumaasa@yahoo.com.br